PÁGINA PESSOAL DE RUI BRANCO

Sexta-feira, 29 de Dezembro de 2006
AEROPORTO DE OTA - PATRIMÓNIO (5 de 8)

PATRIMÓNIO CULTURAL E CONSTRUÍDO

Foto: Gruta existente na Serra de Ota, popularmente conhecida por "Buraco da Oca"

 

Valores Arqueológicos

Ribeira da Ota

Ao longo da Ribeira da Ota, na Segunda metade do séc. XIX, Carlos Ribeiro encontrou vários vestígios arqueológicos datados do Paleolítico. Mais tarde, no mesmo local, H. Breuill e G. Zbyszewski recolheram grande quantidade de utensílios

de sílex, dos quais se destaca o material das culturas Abevilense, Acheulense e Micoquense. Este espólio encontra-se no Museu Geológico do IGM e no Museu Nacional de Arqueologia.

Nesta zona, mas um pouco mais a Norte (de que é exemplo o Espinhaço de Cão – fora da área limite do Aeroporto), em terrenos Cenozóicos, Carlos Ribeiro encontrou alguns eólitos (Eólitos da Ota), que julgou serem utensílios humanos anteriores ao Paleolítico, defendendo a teoria da existência humana já nos finais do Terciário. Este assunto foi discutido no Congresso Internacional de Antropologia e Arqueologia Pré- Históricas, realizado em 1880, em Lisboa, e ficou conhecido como «O Homem Terciário Português». Nesse congresso, onde se reuniram vários especialistas estrangeiros, foi organizada uma visita a esses locais e que, por motivos de saúde, Carlos Ribeiro não pôde acompanhar até ao fim. Mais tarde, concluiu-se que o «Homem Terciário Português» foi um equívoco, já que os eólitos ou não foram talhados pelo homem, resultando de acções da Natureza, ou foram encontrados às superfície dos terrenos, podendo por isso ser de épocas mais recentes.

Todos os locais estudados por Carlos Ribeiro e mais tarde H. Breuill e G. Zbyszevski e visitados por Hipólito Cabaço estão assinalados no mapa pelos números seguintes, no sentido da Ribeira da Ota:

23 – Mata da Ota

3 – Ota

4 – Quinta da Ota

6 – Quinta da Torre

11 – Casais do Boteco

Quinta da Moita

Nos casos 6 e 11 a localização foi feita tendo por base dados bibliográficos e a toponímia, não estando confirmados rigorosamente devido à falta de dados concretos acerca da sua localização exacta.

Situado um pouco mais a Norte de Cheganças, perto do caminho que vai para casais Pedreira de Lima. Neste local foram encontrados vestígios líticos de superfície datados do Paleolítico e do Calcolítico.

Castro de Ota

Estação arqueológica descoberta e estudada por H. Cabaço, situa-se numa elevação calcária do Jurássico, na margem direita da Ribeira de Ota.

Povoado fortificado com ocupação humana entre o período Neolítico e o período muçulmano. Tem duas ordens de muralhas e a entrada situa-se no extremo Sul. No interior existem vários vestígios de cabanas de planta circular e rectangular.

Espólio encontrado:

- Machados polidos

Pontas de seta

- Grande quantidade de cerâmica:

- Cerâmica sem decoração

- Cerâmica decorada

- Cerâmica com incisão profunda

- Cerâmica romana e muçulmana

- Placas de barro decoradas

- Objectos de Cobre, Bronze e Ferro

- Moedas romanas e muçulmanas.

Parte deste espólio encontra-se no Museu Municipal de Alenquer, fora da área delimitada.

Casal do Alvarinho

Local com vestígios arqueológicos datados do Paleolítico e Mesolítico. A zona onde foram encontrados os vestígios situa-se sobre terrenos quaternários com cascalheira.

Casal da Prata

Local situado junto ao Camarnal, na confluência das Ribeiras de Ota e de Alenquer e com ocupação humana desde o Paleolítico até ao Calcolítico.

Descoberto e estudado sumariamente por H. Cabaço e recentemente estudado de uma forma mais aprofundada pelo Dr.José Manuel Rolão da U. A. L.

Destaca-se a ocupação do Mesolítico, na qual se destaca o concheiro, de importância comparável aos concheiros “clássicos” do Vale do Tejo.

Quinta do Espírito Santo

Neste sítio recolheram-se utensílios datados do Paleolítico e do Calcolítico. Do Paleolítico destacam-se os sílex lascados e do Calcolítico foi recolhido algum material talhado e alguma cerâmica.

Castelo de Alenquer

O Castelo de Alenquer tem uma ocupação humana que remonta ao período romano.

Foi conquistado por D. Afonso Henriques e reedificado ainda pelo mesmo rei e seus sucessores.

Actualmente este castelo encontra-se em avançado estado de degradação. Apenas restam algumas muralhas e vestígios de construções do seu interior.

Paredes

Este local situa-se já fora da Área delimitada pelo aeroporto. Pertencente à Freguesia de Triana, em Paredes foram aqui encontrados elementos dispersos do Calcolítico e Romanos.

Sete Pedras

Situado fora da área de implantação do aeroporto, mas próximo do seu limite. Neste local foram descobertos alguns vestígios romanos.

Base Aérea da Ota Nº. 2

Na zona onde se situa a Base Aérea nº. 2 (Ota), foram encontrados vários vestígios do Paleolítico. Este material é de superfície e encontrou-se disperso. Consiste em vários núcleos, lascas, raspadores e alguns objectos atípicos. Foram feitos em quartzito e sílex, com predominância para o primeiro.

Grutas da Ota

Existem referências a grutas artificiais com espólio arqueológico nas formações geológicas em frente ao Castro da Ota. Acerca destas grutas pouco se sabe e a bibliografia é pouco precisa, uma vez que não estão estudadas e a sua localização exacta não é bem conhecida. Por outro lado, por fontes orais sabe-se que existem grutas naturais nas encostas do monte onde se situa o castro e que podem ter vestígios arqueológicos e ser importantes do ponto de vista espeleológico. Não foi possível confirmar em absoluto esta probabilidade.

Casal do concelho

Situado nas imediações do Camarnal, a sua localização exacta é a seguinte: perto da Gruta dos Refugiados, no vale do Trabum, junto a Abrigada. Actualmente este sítio está ocupado por uma exploração de areia, não se conhecendo o impacto arqueológico desta intervenção. Há alguns anos neste local foram descobertos vestígios do Paleolítico, nomeadamente algumas peças talhadas em sílex.

Quinta da Almadia

Local onde foram encontrados alguns vestígios romanos. Os achados são dispersos e de superfície.

Zona da Várzea

Esta zona que compreende uma vasta área, situando-se em duas freguesias (Triana, a Norte e Santo Estevão, a Sul), forneceu vários achados de superfície do período romano.

Nesta área podemos enquadrar os achados encontrados na Quinta da Barradinha, na Quinta da Almadia e na Quinta de Santo António, consideradas, neste estudo, como estações diferenciadas.

Quinta de Santo António

Pouco depois de sair de Alenquer, na estrada que se dirige para o Camarnal, encontra- se do lado esquerdo a Quinta de Santo António, onde foram achados vários vestígios romanos em superfície.

Rio de Alenquer

Hipólito Cabaço recolheu nas margens do Rio de Alenquer unifaces, bifaces, percutores, nódulos e raspadores de sílex datados do Paleolítico.

Devido à falta de pormenores de localização, não foi possível precisar com exactidão o sítio na carta.



publicado por BLOGOTA às 21:12
link do post | comentar | favorito

8 comentários:
De Esperança a 29 de Dezembro de 2006 às 22:05
Olá Rui :)
Vim aqui agradecer a tua passagem pelo meu cantinho e desejar-te um Ano Novo Muito Feliz!
Beijinhos


De Anónimo a 31 de Dezembro de 2006 às 03:09
Se formos ver aos mapas dos leitos dos rios de Portugal, o rio de Alenquer e que vai desaguar no rio de Ota que por sua vez desagua no Tejo!! Portanto não reconheço esta ingormação


De Rui Branco a 31 de Dezembro de 2006 às 11:10
O Rio de Alenquer não é afluente do Rio de Ota. O que acontece é que em Vila Nova da Rainha ambos se encontram em paralelo, separados por um muro, passam por baixo da E.N.3. e desaguam no Tejo. Não sei qual é a informação que v/exa não reconhece, se quiser ser mais preciso, terei todo o gosto em esclarecê-lo...isso se estiver ao meu alcance, claro. BOM ANO!


De Anónimo a 3 de Janeiro de 2007 às 01:10
Desculpa a minha ignorância! Mas pouco antes de chegarmos a Vila nova da Rainha, na estrada de terra, existe um dique que une dois rios!! Que rios são esses???


De Rui Branco a 3 de Janeiro de 2007 às 12:28
È a Ribeira do Alvarinho, o Rio de Alenquer passa um pouco mais a Sul e também passamos por cima de uma ponte para o atravessar.


De russo a 31 de Dezembro de 2006 às 18:02
Com tanto património ecológico, arqueológico e geológico, como é que ninguém se refere às pedreiras, à lixeira, aos reservatórios de combustível, e aos gravíssimos impactos por estas produzidos?
Uma coisa vos digo, não fazia ideia que Ota tinha tanta riqueza deste tipo :)


De Anónimo a 23 de Outubro de 2007 às 16:40
A serra da Ota não terá ardido para depois haver mais pedreirinhas???? Já te calavas!


De André Lopes a 1 de Janeiro de 2007 às 05:40
posso dizer que ja tinha lido isto, mas com tanta riqueza historica como é que as pedreiras estão lá, e de uma coisa tenho a certeza o canhão carsico é muito importante, e poderiamos aproveita-lo melhor sem o estragar, as nascentes do rio de ota estão em todo lado nesta altura eu acho que a propria natureza queria limpar este rio, com tanta importacia historica para nos.


Comentar post

links
arquivos

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

posts recentes

ATÉ SEMPRE...

RAINHA DAS VINDIMAS 2012 ...

EQUIPA TÉCNICA DOS TRAQUI...

EQUIPA TÉCNICA DOS BENJAM...

CLÁSSICA CICLISMO - ALVER...

CLÁSSICA CICLISMO: ALVERC...

EQUIPA TÉCNICA DOS BENJAM...

SORTEIO – JUVENIS E INICI...

1º DESAFIO BTT ADN – A DO...

EQUIPA TÉCNICA DOS INFANT...

TROFÉU BTT OURÉM – RAID T...

EQUIPA TÉCNICA DOS INICIA...

CICLISMO - CONTRA RELÓGIO...

EQUIPA TÉCNICA DOS JUVENI...

EQUIPA TÉCNICA DOS JUNIOR...

SORTEIO – JUNIORES – F. C...

15º PRÉMIO VOLKSWAGEN – F...

VIDEOS DA MARATONA BTT DE...

VIDEOS DA MARATONA BTT DE...

REGIONAL DE MARATONAS BTT...

MARATONA BTT DE OTA

15º PRÉMIO VOLKSWAGEN AUT...

CLÁSSICA SUBIDA À TORRE -...

F.C. OTA - ESTATÍSTICA 20...

CIRCUITO DE CICLISMO DA A...

18º CIRCUITO BTT NORTE AL...

MARATONA BTT DE OTA - DOR...

PASSEIO ANUAL DA 3ª IDADE...

REGIONAL DE MARATONAS BTT...

F.C. OTA - ESTATÍSTICA 20...

VIDEOS DO CIRCUITO DE CIC...

CIRCUITO DE CICLISMO DE M...

RESCALDO DA MARATONA BTT ...

3 HORAS RESISTÊNCIA BTT A...

PROGRAMA DA FESTA DE OTA ...

REGIONAL DE MARATONAS BTT...

2ª DIVISÃO DISTRITAL - A....

CIRCUITO DE CICLISMO DE S...

TREINOS DE CAPTAÇÃO - F. ...

OH MEU DEUS TRAIL BIKE SE...

favoritos

CAMPEONATO DISTRITAL DE B...

CAMPEONATO DISTRITAL DE I...

RESCALDO DA 1ª PROVA RESI...

VIDEOS DA 1ª PROVA RESIST...

RESCALDO - T. P. MARATONA...

FOTO DA ASSINATURA DO CON...

S. C. PINHEIRO LOURES 3 -...

RESCALDO DA MARATONA BTT ...

CAMPEONATO NACIONAL DE RA...

RESCALDO DA MARATONA BTT ...

temas

2008/2009

2009/2010

2010

2010/2011

2011

2011/2012

2012

7 maravilhas

aeroporto de ota

afl

alenquer

alentejo

alhandra

amador

analises

anipura

arneiros

arrudense

atalaia

atletismo

benfica

benjamins

btt

c.s.r.d. de ota

campeonato

carb boom

cerca

charneca de ota

cheganças

ciclismo

classificação

comentarios

corrida do mirante

cronicas

cross country

desporto

diversos

elites

escolas

estatistica

eventos

extrusal

f.c. ota

f.c. ota benjamins

f.c. ota escolas

f.c. ota infantis

f.c. ota iniciados

f.c. ota juniores

f.c. ota juvenis

festa

frases

furadouro

futebol

futebol de sete

golos

humor

imagens

infantis

iniciados

jogador

juniores

juvenis

lfo

Liga Fantástica de Ota

linhais

lisboa

maratona

memorias

monte agraço

monte redondo

montejunto

música

nacional

ota

ota videos

passeios

pelado

pinheiro loures

portugal

raid

rbikes

relvado

rescaldo

resultados

rio de ota

seniores

serra de ota

sintético

sobreirense

sorteio

sub-23

taça

torneio

treino

varanda da ota

vencedor

veteranos

videos

xcm

xco

todas as tags

últ. comentários
Sem grandes comentarios. obrigado Rui. Fica aqui m...
Até no fim se manifesta a enorme qualidade e dedic...
a deresao do futebol clube agradece todo o que o b...
Caro Rui Branco,Os meus Parabéns pelo teu trabalho...
Foi um óptimo trabalho feito ao estilo de O...
Caro Rui Branco,Obrigado pelo trabalho pioneiro qu...
RuiCertamente que para tomares esta decisão, pensa...
Caro Rui, É com muita tristeza que leio a notícia ...
Caro RuiÉ com tristeza que vejo esta noticia.Assim...
OS COMENTÁRIOS NESTE BLOG ESTÃO TEMPORARIAMENTE SU...
Setembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9


24
25
26
27
28
29

30


pesquisar
 
blogs SAPO
subscrever feeds
mais sobre mim