PÁGINA PESSOAL DE RUI BRANCO

Domingo, 14 de Dezembro de 2008
ALCAINÇA ATLÉTICO CLUBE 2 - FUTEBOL CLUBE DE OTA 3

CAMPEONATO DISTRITAL DA II DIVISÃO DA ASSOCIAÇÃO DE FUTEBOL DE LISBOA 

11ª JORNADA

Foto (da esquerda para a direita): Márcio, Diogo, Rodolfo, Pedro, Quaresma, Narciso, Souza, Hélder, Carlos Paiva, Paulo Silva e José Júlio.

Foto: Onze titular da formação do Alcainça Atlético Clube.

 

O Futebol Clube de Ota iniciou a partida com o seguinte onze:

 

1 DIOGO
19 RICARDO QUARESMA
3 RODOLFO LOPES
14 PAULO SILVA
21 JOSÉ JÚLIO (Cap)
13 REGINALDO SOUZA
8 PEDRO PEREIRA
15 MÁRCIO CARVALHO
6 HÉLDER MONTEIRO
16 NUNO NARCISO
22 CARLOS PAIVA

Foto: Primeiro golo do encontro para o Futebol Clube de Ota, obtido pelo Márcio Carvalho, na imagem com a camisola 15, à entrada da grande área.

 

Substituições:

57' - Saiu o Carlos Paiva e entrou o MARCO MARIA (7).

Suplentes não utilizados: Paulo Filipe, Artur Dias, Carlos Santos, Sérgio Paulino e David Leiroz.

Não Convocados: Jorge Machado, Flávio Ferreira, José Alberto, David Sopa, Sandro Ferreira e António Faria.

Disciplina:

Alcainça Atlético Clube:

Cartão Amarelo aos 31 minutos para o Nº 6  (por ter atirado a bola para fora da quatro linhas com o jogo interrompido).

Cartão Amarelo aos 63 minutos para o Nº 7 (por ter cometido uma falta perigosa sobre o Marco Maria).

Cartão Amarelo aos 74 minutos para o Nº 6 (por ter cometido uma falta dura sobre o Márcio Carvalho).

Cartão Amarelo aos 77 minutos para o Nº 24 (por protestos contra uma decisão do árbitro).

Cartão Amarelo aos 90+2 minutos para o Nº 21 (por ter cometido uma falta perigosa sobre o Reginaldo Souza).

Cartão Amarelo aos 90+3 minutos para o Nº 8 (por ter cometido uma falta dura sobre o Hélder Monteiro).

Cartão Vermelho por acumulação de amarelos aos 77 minutos para o Nº 6.

Futebol Clube de Ota:

Cartão Amarelo aos 77 minutos para o Marco Maria (por ter cometido uma falta dura sobre o jogador Nº 24).

Cartão Amarelo aos 83 minutos para o Marco Maria (por ter cometido uma falta perigosa sobre o jogador Nº 18).

Cartão Amarelo aos 90+4 minutos para o Sérgio Paulino (por ter atravessado o campo, na condição de suplente, para ir festejar com os colegas a obtenção do golo da vitória).

Cartão Vermelho por acumulação de amarelos aos 83 minutos para o Marco Maria.

Resultado ao Intervalo: 1-2

Foto: Diogo na sua estreia pelo F. C. Ota a fazer mais uma grande defesa. Neste caso a evitar o golo do empate para o Alcainça, pouco antes do intervalo.

 

MARCHA DO MARCADOR:

0-1 aos 12 minutos por MÁRCIO CARVALHO. Na sequência de um cruzamento para a pequena área com a bola rente ao pelado o guarda redes defende com os pés, entretanto a mesma è dividida entre o Hélder e um defesa adversário, acabando por ir parar à entrada da área, onde estava o Márcio a finalizar com um remate de pé direito, com a bola a entrar junto ao ângulo direito da baliza do Alcainça.

1-1 aos 18 minutos pelo Nº 24. Na sequência de uma falha na zona central da defesa otense, o jogador Nº 10 ficou cara a cara com o Diogo e fez-lhe um chapéu que levou a bola a bater no poste direito da baliza visitante, entretanto na recarga o jogador Nº 24 não perdoou e fez o golo empate.

1-2 aos 27 minutos por NUNO NARCISO. Falha clamorosa entre o guarda redes e um dos seus defesas centrais, sempre com o Hélder Monteiro a pressionar, a bola acabou por sobrar para o Nuno Narciso, que vindo do lado direito não teve dificuldade, com a baliza escancarada, e fez com o pé esquerdo o segundo golo da equipa do concelho de Alenquer.

2-2 aos 54 minutos pelo Nº 14. Lance caricato e bizarro da nossa zona defensiva, a bola andou aos repelões durante alguns segundos, batendo no corpo de uns, na cabeça de outros, acabando por sobrar para o jogador do Alcainça, que com o pé direito voltou a empatar o jogo.

2-3 aos 90+4 minutos por JOSÉ JÚLIO. Na sequência de uma falta cometida sobre o Hélder Monteiro nas imediações da grande área, ligeiramente descaída para o lado esquerdo do ataque otense. O livre directo foi apontado pelo Nuno Narciso com o pé esquerdo, a bola foi devolvida pelo guarda redes, precisamente para o pé esquerdo do José Júlio que se encontrava junto à marca da grande penalidade e conseguiu fazer o terceiro da sua equipa. 

Foto: Lance do segundo golo do F. C. Ota. Apesar do Hélder e o Pedro estarem mais próximos da bola, ela acaba por ir em direcção ao Nuno Narciso, que vinha do lado direito e finalizou facilmente esta jogada.

 

CRÓNICA DO JOGO:

Em partida a contar para a décima primeira jornada do campeonato distrital da IIª divisão, série 1, da Associação de Futebol de Lisboa, a equipa de Ota deslocou-se até Alcainça, concelho de Mafra, a fim de defrontar uma equipa que tinha mais três pontos em relação a nós.

Perante condições atmosféricas muito adversas, com intenso frio e muito vento que foi um forte aliado da nossa equipa durante a primeira parte e da formação de Alcainça no decorrer do segundo tempo. Só para terem uma ideia, os pontapés de baliza e as reposições a pontapé dos guarda redes nunca chegaram à linha divisória do meio campo. Para além destes factores atmosféricos, também o estado do pelado não deu para ambas as equipas praticarem um melhor futebol.

Entretanto para a partida desta tarde continuou a saga de lesões do nosso plantel, desta vez ficaram de fora por esse motivo o Sandro e o guarda redes Flávio. Em relação ao Faria, totalista até à partida desta tarde, a ausência foi devido a assuntos pessoais.

Como nem tudo são más noticias registou-se com agrado o regresso do David Leiroz aos convocados, após lesão prolongada.

Assim sendo, o técnico Diogo Carvalho teve necessidade de alterar profundamente o onze inicial em relação ao da passada jornada.

O guarda redes titular foi o Diogo, que assim se estreou oficialmente com as cores do F. C. Ota, e em boa hora o fez, como veremos mais à frente, depois de várias lesões que o têm apoquentado desde o inicio desta época. O defesa direito foi o Quaresma e o esquerdo o José Júlio, que também acumulou com as funções de capitão de equipa. Os centrais foram o Rodolfo e o Paulo Silva. A posição de trinco foi entregue ao Souza e os dois pivots de meio campo foram o Pedro Pereira e o Márcio Carvalho. Na frente de ataque jogou o Carlos Paiva, acompanhado na esquerda pelo Narciso e na direita pelo Hélder.

A equipa de Ota, durante os primeiros quarenta e cinco minutos jogou com um «elemento» a favor: o forte vento que empurrou a bola sempre para as imediações da baliza visitada.

Os primeiros minutos foram de intensa pressão da equipa de Ota e logo no primeiro minuto o Quaresma efectuou em cruzamento/remate que quase dava golo, dada a intervenção infeliz do guarda redes local, que ia colocando a bola no interior da sua baliza.

Aos quatro minutos e no seguimento de um canto apontado na direita pelo Narciso, apareceu na pequena área o Rodolfo, completamente desmarcado, a cabecear a bola muito por cima da barra. 

Aos oito minutos foi a vez do Pedro Pereira experimentar a sua meia distância, com um potente remate defendido pelo guarda redes sacudindo a bola para a sua direita.

Foi portanto com toda a justiça que a equipa de Ota chegou à vantagem aos doze minutos, através de um golo apontado pelo Márcio Carvalho.

Curiosamente este golo fez mal à nossa equipa e perante a reacção da equipa local ficaram demasiado evidentes as fragilidades defensivas da nossa formação, que acabou por sofrer um golo aos dezoito minutos graças a um erro infantil.

Após este golo e durante alguns minutos foi a formação de Alcainça que teve as melhores oportunidades para marcar, aos vinte e um minutos o Nº 10 entrou pela direita, rematou cruzado, mas a bola saiu ao lado do poste direito do Diogo, no minuto seguinte, em nova jogada pela direita, entre o Nº 10 e o Nº 24, acabou este último por rematar em boa posição, mas a bola passou por cima da barra e aos vinte e quatro minutos foi a vez do Diogo fazer uma excelente defesa para canto, após um remate à queima do Nº 24.

Após este período complicado a formação de Ota voltou a tomar conta do jogo e numa falha defensiva da equipa local, chegou ao dois a um, por intermédio do Nuno Narciso.

Até ao final da primeira parte a equipa de Ota tentou beneficiar do factor vento mas não conseguiu chegar com perigo à baliza contrária, aliás a melhor oportunidade de golo nesta fase acabou por ser para o Alcainça, quando aos 40 minutos o Diogo evitou o golo por três vezes, à formação visitada, na mesma jogada.

Foto: Neste lance, no inicio da segunda parte, a equipa do Alcainça chegou à igualdade a duas bolas.

 

Na segunda parte foi a vez da equipa da casa ter o vento a seu favor e graças a isso, e a uma enorme atrapalhação na grande área do F. C. Ota, chegou ao empate logo a abrir o segundo tempo.

Entretanto aos 57 minutos o Diogo Carvalho tirou do terreno de jogo o Carlos Paiva, fazendo entrar para o seu lugar o Marco Maria, passando o Hélder Monteiro para a frente de ataque.

A segunda parte foi decorrendo com sucessivas oportunidades de golo para a equipa visitada, o problema foi que encontraram pela frente um inspirado Diogo, que fez um punhado de excelentes defesas a evitar o golo ao adversário.

Dois exemplos dessa exibição foram as grandes defesas aos 66 e aos 74 minutos desviando ambas as bolas para canto.

Foram muitos os cantos conquistados pelo Alcainça neste segundo tempo, alguns com perigo para a nossa baliza, outros nem por isso.

Dificil mesmo foi a equipa de Ota conseguir articular uma jogada de contra ataque que levasse algum perigo à baliza adversária, porque através de bolas por alto o vento encarregava-se de trazer o esférico ao ponto de partida e pelo chão também foi muito dificil transportar a bola, devido ao estado do terreno de jogo e à falta de forças que alguns jogadores já evidenciavam.

Aos oitenta e quatro minutos a barra da baliza do F. C Ota devolveu uma bola indenfensável para o Diogo.

Na período de compensações de tempo perdido a equipa de Ota conseguiu chegar às imediações da grande área do Alcainça, onde o Hélder Monteiro sofreu uma falta quando se preparava para correr isolado para a baliza adversária.

Na sequência dessa falta a equipa de Ota alcançou o golo da vitória através de uma recarga a uma defesa incompleta do guardião local, o mérito neste lance foi para o Narciso pela execução do livre directo e para o José Júlio por estar no sitio certo para fazer o golo que deu os três pontos à equipa de Ota.

Em jeito de conclusão, assistimos a uma partida com duas partes distintas; a primeira de claro pendor ofensivo da equipa de Ota e a segunda de dominio da equipa da casa, sempre com o vento como factor desiquilibrante. Tendo presente este facto, julgamos que o empate seria o resultado mais justo para aquilo que aconteceu durante os noventa minutos de jogo, no entanto a equipa de Ota acabou por ter a estrelinha da sorte, que este ano ainda não nos tinha feito companhia e conquistou a segunda vitória no campeonato.

Uma palavra final para dar os parabéns a todos os jogadores pela atitude demonstrada em campo, e em particular para a soberba exibição do Diogo entre os postes da baliza de Ota, porque não foi por acaso que todos os colegas o foram felicitar no final da partida desta tarde.

Foto: O guarda redes de Ota (Diogo) em mais uma (das muitas) excelentes intervenções na sua estreia oficial pelo Futebol Clube de Ota.

 

ARBITRAGEM:

O trio de arbitragem nomeado para o jogo desta tarde era composto pelo Filipe Santos (ábitro principal), Ricardo Vasco e Rui Macedo (árbitros auxiliares).

Nos aspectos técnicos do jogo, o trio de árbitros realizou um trabalho regular, não tendo qualquer influência no resultado final.

Na segunda parte aconteceu um lance em que a equipa da casa festejou o terceiro golo, mas o árbitro já tinha assinalado uma falta sobre o nosso guarda redes na pequena área, portanto não se justificavam os protestos dos jogadores e técnicos locais.

Nos aspectos disciplinares è que a coisa não correu muito bem, vsito que o jogador Nº 6 do Alcainça só viu o segundo amarelo aos 77 minutos, quando o deveria ter visto aos 40 minutos depois de ter cometido uma falta muito dura sobre o Carlos Paiva.

A expulsão do Marco Maria por acumulação de amarelos, seis minutos depois da do Alcainça, pareceu-nos demasiado excessiva e foi, provavelmente, uma tentativa de acalmar a pressão dos adeptos, técnicos e jogadores da equipa visitada.

Em suma, tecnicamente a exibição foi boa, disciplinarmente a prestação pendeu para o fracote, com algum nervosismo à solta, especialmente da parte do auxiliar do lado das bancadas.

 



publicado por BLOGOTA às 19:19
link do post | comentar | favorito

4 comentários:
De Anónimo a 14 de Dezembro de 2008 às 21:31
Em grande recuperação para atingir o antepenúltimo lugar...
um dos objectivos traçados para esta época... :)

será remuneração ou parvalhão... eis a questão...

bem russo...


De Pedro Maia a 15 de Dezembro de 2008 às 09:39
Parabéns a todos, acho que a equipa já merecia um pouco de sorte.


De Nuno Narciso a 15 de Dezembro de 2008 às 16:06
Estou a estranhar os poucos comentarios ao blog..

Não podia haver desculpas este fim de semana..o Faria não jogava tinhamos de ganhar!!!!Era quase obrigatório..ahahahahahahah!!!

Atenção..nós estamos aí e vamos dar muita luta aos adversários!!
Com muita vontade, crer e sem lesões fazemos uma grande 2 volta!!

Cuidado..muito cuidado!!!


De Pedro Maia a 15 de Dezembro de 2008 às 18:54
Sinceramente uma equipa que treina desde o início de Setembro, (já lá vão 4 meses) num pelado, com o tempo muito difícil , com as situações que todos conhecemos, acho que a sorte foi merecida.
e aqueles que vem aqui dizer mal, seja qual for a razão, pensem um pouco, esta malta merece a nossa confiança e ajuda.

um abraço a todos e um resto de campeonato ao nível do nome do clube.


Comentar post

links
arquivos

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

posts recentes

ATÉ SEMPRE...

RAINHA DAS VINDIMAS 2012 ...

EQUIPA TÉCNICA DOS TRAQUI...

EQUIPA TÉCNICA DOS BENJAM...

CLÁSSICA CICLISMO - ALVER...

CLÁSSICA CICLISMO: ALVERC...

EQUIPA TÉCNICA DOS BENJAM...

SORTEIO – JUVENIS E INICI...

1º DESAFIO BTT ADN – A DO...

EQUIPA TÉCNICA DOS INFANT...

TROFÉU BTT OURÉM – RAID T...

EQUIPA TÉCNICA DOS INICIA...

CICLISMO - CONTRA RELÓGIO...

EQUIPA TÉCNICA DOS JUVENI...

EQUIPA TÉCNICA DOS JUNIOR...

SORTEIO – JUNIORES – F. C...

15º PRÉMIO VOLKSWAGEN – F...

VIDEOS DA MARATONA BTT DE...

VIDEOS DA MARATONA BTT DE...

REGIONAL DE MARATONAS BTT...

MARATONA BTT DE OTA

15º PRÉMIO VOLKSWAGEN AUT...

CLÁSSICA SUBIDA À TORRE -...

F.C. OTA - ESTATÍSTICA 20...

CIRCUITO DE CICLISMO DA A...

18º CIRCUITO BTT NORTE AL...

MARATONA BTT DE OTA - DOR...

PASSEIO ANUAL DA 3ª IDADE...

REGIONAL DE MARATONAS BTT...

F.C. OTA - ESTATÍSTICA 20...

VIDEOS DO CIRCUITO DE CIC...

CIRCUITO DE CICLISMO DE M...

RESCALDO DA MARATONA BTT ...

3 HORAS RESISTÊNCIA BTT A...

PROGRAMA DA FESTA DE OTA ...

REGIONAL DE MARATONAS BTT...

2ª DIVISÃO DISTRITAL - A....

CIRCUITO DE CICLISMO DE S...

TREINOS DE CAPTAÇÃO - F. ...

OH MEU DEUS TRAIL BIKE SE...

favoritos

CAMPEONATO DISTRITAL DE B...

CAMPEONATO DISTRITAL DE I...

RESCALDO DA 1ª PROVA RESI...

VIDEOS DA 1ª PROVA RESIST...

RESCALDO - T. P. MARATONA...

FOTO DA ASSINATURA DO CON...

S. C. PINHEIRO LOURES 3 -...

RESCALDO DA MARATONA BTT ...

CAMPEONATO NACIONAL DE RA...

RESCALDO DA MARATONA BTT ...

temas

2008/2009

2009/2010

2010

2010/2011

2011

2011/2012

2012

7 maravilhas

aeroporto de ota

afl

alenquer

alentejo

alhandra

amador

analises

anipura

arneiros

arrudense

atalaia

atletismo

benfica

benjamins

btt

c.s.r.d. de ota

campeonato

carb boom

cerca

charneca de ota

cheganças

ciclismo

classificação

comentarios

corrida do mirante

cronicas

cross country

desporto

diversos

elites

escolas

estatistica

eventos

extrusal

f.c. ota

f.c. ota benjamins

f.c. ota escolas

f.c. ota infantis

f.c. ota iniciados

f.c. ota juniores

f.c. ota juvenis

festa

frases

furadouro

futebol

futebol de sete

golos

humor

imagens

infantis

iniciados

jogador

juniores

juvenis

lfo

Liga Fantástica de Ota

linhais

lisboa

maratona

memorias

monte agraço

monte redondo

montejunto

música

nacional

ota

ota videos

passeios

pelado

pinheiro loures

portugal

raid

rbikes

relvado

rescaldo

resultados

rio de ota

seniores

serra de ota

sintético

sobreirense

sorteio

sub-23

taça

torneio

treino

varanda da ota

vencedor

veteranos

videos

xcm

xco

todas as tags

últ. comentários
Sem grandes comentarios. obrigado Rui. Fica aqui m...
Até no fim se manifesta a enorme qualidade e dedic...
a deresao do futebol clube agradece todo o que o b...
Caro Rui Branco,Os meus Parabéns pelo teu trabalho...
Foi um óptimo trabalho feito ao estilo de O...
Caro Rui Branco,Obrigado pelo trabalho pioneiro qu...
RuiCertamente que para tomares esta decisão, pensa...
Caro Rui, É com muita tristeza que leio a notícia ...
Caro RuiÉ com tristeza que vejo esta noticia.Assim...
OS COMENTÁRIOS NESTE BLOG ESTÃO TEMPORARIAMENTE SU...
Setembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9


24
25
26
27
28
29

30


pesquisar
 
blogs SAPO
subscrever feeds
mais sobre mim