PÁGINA PESSOAL DE RUI BRANCO

Domingo, 24 de Outubro de 2010
A. C. MALVEIRA "B" 1 - FUTEBOL CLUBE DE OTA 0

CAMPEONATO DISTRITAL IIª DIVISÃO - ASSOCIAÇÃO FUTEBOL LISBOA

19ª JORNADA - ÉPOCA 2010/2011

Foto (da esquerda para a direita): Miguel, Narciso, Fachada, Quaresma, Peres, Caldeira, Edgar, João Silva, João Rodrigues, Daniel e Pedro Grilo.

Foto: Onze titular do Atlético Clube de Malveira, equipa B.

 

O Futebol Clube de Ota iniciou a partida com o seguinte onze:

 

88 DANIEL DUARTE
4 JOÃO RODRIGUES
2 JOÃO SILVA
21 BRUNO CALDEIRA
12 EDGAR FILIPE
22 PEDRO GRILO (Cap.)
6 PERES
30 RICARDO FACHADA
27 MIGUEL ROCHA
19 RICARDO QUARESMA
16 NUNO NARCISO

 

Foto: Aos 25 minutos, o jogador nº 6, bateu um livre e o Daniel defendeu sem segurar, aparecendo depois o Caldeira a tirar a bola pela linha de fundo.

 

Substituições:

72' - Saiu o Miguel Rocha e entrou o SANDRO FERREIRA (8).

72' - Saiu o João Silva e entrou o NUNO FERNANDES (25).

82' - Saiu o Peres e entrou o JORGE RIBEIRO (20).

82' - Saiu o Nuno Narciso e entrou o JOÃO BACALHAU (23).

Suplentes não utilizados: Ruben Dias.

Não convocados: Márcio Carvalho, Alexander Deus, André Ferreira, Rui Ferreira, Gonçalo Ferreira e Filipe Antunes.

Castigado: Reginaldo Souza.

Disciplina:

Atlético Clube da Malveira "B":

Cartão Amarelo aos 50 minutos, para o jogador Nº 4, por ter cometido uma falta dura sobre o Miguel Rocha.

Cartão Amarelo aos 68 minutos, para o jogador Nº 14, por ter cometido uma falta perigosa sobre o João Silva.

Cartão Amarelo aos 76 minutos, para o jogador Nº 9, por protestos.

Cartão Amarelo aos 87 minutos, para o jogador Nº 12 (Guarda Redes), por demorar a repor a bola em jogo, num pontapé de baliza.

Futebol Clube de Ota:

Cartão Amarelo aos 24 minutos, para o João Silva, por ter cometido uma falta dura sobre o jogador nº 13.

Resultado ao intervalo: 0-0

Foto: Grande intervenção do Daniel Duarte, aos pés do jogador Nº 3, da Malveira "B", com uma intervenção arrojada e corajosa.

 

MARCHA DO MARCADOR:

1-0 aos 75 minutos pelo jogador Nº 14 (Penalty). Na sequência de um cruzamento para a nossa área, o Caldeira cortou com o peito e viu o árbitro assistente, do lado dos bancos de suplentes, assinalar grande penalidade. Parece que para este auxiliar, o peito é um prolongamento do braço. Na marcação do castigo máximo, apesar do Daniel ter adivinhado o lado, o jogador nº 14 colocou o esférico mesmo junto ao poste direito da baliza do F. C. Ota, sem hipótese de defesa para o nosso guarda redes.

Foto: Neste lance, aos 37 minutos, na sequência de um canto a favor da equipa da casa, os nossos jogadores ficaram no rés do chão, enquanto os adversários foram ao 1º andar cabecear a bola. Na circunstância o cabecemanto do jogador nº 13, levou a bola a passar ao lado do poste direito da baliza à guarda do Daniel Duarte.

 

CRÓNICA DO JOGO: 

Este sábado, pelas 17 horas, a equipa sénior do Futebol Clube de Ota deslocou-se à Malveira, onde no relvado principal daquele clube que milita na 3ª divisão nacional, defrontou a equipa B, em partida a contar para a 19ª jornada, do campeonato distrital da 2ª divisão, da A. F. de Lisboa.

Para este jogo, a equipa técnica teve apenas 16 jogadores disponíveis, por diversos motivos e escalou o seguinte onze: Na baliza o Daniel foi o titular. Na defesa alinharam o João Rodrigues na direita, o Edgar na esquerda, o Caldeira e João Silva no eixo central. O duplo pivot defensivo foi composto pelo Grilo, capitão neste jogo, e o Peres. Na direita da zona intermediária jogou o Quaresma e na esquerda o Narciso. Na frente de ataque jogaram o Fachada e o Miguel Rocha.

A equipa da casa, como seria de esperar, assumiu as rédeas do jogo, sem colocar muita velocidade, o que nos permitiu defender com segurança, nomeadamente na primeira metade do primeiro tempo.

A Malveira "B" fez da posse e circulação de bola a sua maior arma, mas quando chegava ao último terço do campo, esbarrava contra uma defesa que estava bem posicionada.

Nos primeiros vinte minutos de jogo registamos três situações de perigo junto ás balizas, as duas primeiras, aos 6 e 8 minutos, para a equipa da casa, na primeira o jogador nº 8 trabalhou bem no interior da área, mas o seu remate saiu fraco e ao lado do poste esquerdo do F. C. Ota, na segunda, de novo o jogador nº 8 a dominar bem a bola e a dar para o jogador nº 9 que rematou forte, com o esférico a sair por cima da barra. Aos 9 minutos, na sequência de um livre directo, foi a vez do Nuno Narciso chamar ao serviço o guardião da Malveira "B", que respondeu com eficácia.

Seguiu-se um período sem grandes ocasiões de golo, até que aos 21 minutos, numa excelente jogada desenvolvida pelo lado esquerdo, entre o Edgar e o Miguel, com o primeiro a entrar na área e a rematar ao lado da baliza adversária.

Nos últimos vinte minutos da primeira parte, a equipa da Malveira "B" carregou mais no acelerador e teve algumas oportunidades para inaugurar o marcador, valendo o Daniel Duarte com quatro grandes defesas, que evitaram esse situação.

Aos 25 minutos, o jogador nº 6 bateu um livre directo, que o Daniel defendeu com dificuldade, acabando o Caldeira por atirar a bola pela linha de fundo. Na marcação do canto, o jogador nº 13 cabeceou sozinho, mas bola saiu por cima da barra, numa grande oportunidade para marcar.

Aos 26 minutos, numa rápida transição, o Nuno Narciso apareceu isolado frente ao guarda redes, tentou o chapéu, mas este saiu curto e o guarda redes defendeu com segurança.

Aos 31 minutos, o jogador nº 3 entrou na área, ganhou em velocidade ao João Rodrigues, valendo na circunstância a saida arrojada dos postes que o Daniel efectuou, defendendo à queima o remate do jogador da Malveira.

Aos 37 minutos, na sequência de um canto da direita, o jogador nº 13 saltou mais alto e cabeceou a bola ao lado do poste direito do F. C. Ota.

Aos 39 minutos, o jogador nº 3 isolou-se e tentou passar a bola por cima do Daniel, mas este com um grande golpe de rins fez uma excelente defesa.

Aos 45 minutos, na sequência de um livre directo batido pelo jogador nº 3, a bola saiu junto ao poste esquerdo, onde o Daniel fez uma defesa dificil, mas segura.

Chegados ao intevalo e perante os últimos vinte minutos deste período, onde a equipa local desperdiçou seis boas ocasiões para marcar, o resultado era lisonjeiro para a equipa de Ota.

Foto: Grande golpe de rins do Daniel, a esta tentativa de chapéu do jogador nº 3, aos 39 minutos de jogo. 

 

Na etapa complementar a equipa da Malveira "B" entrou como tinha saido na primeira parte, ou seja, com mais uma grande oportunidade de golo, quando aos 49 minutos o jogador nº 3 se isolou e o Daniel fez, de novo, uma grande intervenção, neste caso com as pernas, a evitar o golo para o adversário.

Esta oportunidade foi o canto do cisne para a equipa local, que daqui até ao fim do jogo não criou mais nenhuma ocasião clara de golo, apesar de se ter mantido com o domínio territorial na partida.

Com o decorrer dos minutos, a equipa da casa teimava em esbarrar na nossa muralha defensiva que estava cada vez mais acertada. As recuperações de bola eram mais constantes e as tentativas de sair em contra ataque também, faltava no entanto acertar o último passe, até porque os defesas da Malveira "B" eram muito rápidos e conseguiam desarmar os nossos jogadores.

Finalmente, aos 65 minutos, saiu um grande passe para o Fachada que se isolou e ficou cara-a-cara com o guarda redes adversário, no entanto o árbitro tinha apitado uma falta contra a equipa da casa, beneficiando claramente o infractor. Ficou-lhe bem, ao árbitro, reconhecer o erro, pedir desculpa, mas o mal estava feito e a nossa equipa saiu prejudicada com esta decisão infeliz.

Aos 68 minutos, o João Silva sofreu uma falta dura e teve que sair lesionado. O técnico, Luis Ferreira, aproveitou para fazer duas alterações com as saidas do João e do Miguel, por troca com o Sandro Ferreira e Nuno Fernandes. Com a saida do central, o João Rodrigues ocupou essa posição, enquanto o Nuno Fernandes foi para a direita da defesa.

Aos 75 minutos, aconteceu o caso do jogo, quando só o árbitro assistente do lado dos bancos viu o Caldeira tocar a bola com a mão na grande área. Até admitimos que ele possa estar convencido da decisão acertada que tomou, mas como temos o vídeo do lance e já o vimos e revimos várias vezes, temos a certeza que ele teve uma visão, onde o Caldeira aparecia a tocar a bola com a mão. Tipo assim, uma visão virtual, num mundo alternativo, que não a realidade do que se passou efectivamente naquela jogada em pleno relvado natural do estádio da Malveira.

O árbitro, apesar de pouco convecido, seguiu a indicação desastrada do seu assistente e assinalou o castigo máximo contra a equipa de Ota. Na marcação do penalty, o jogador nº 14 não perdoou e fez o golo que deu os três pontos à sua equipa.

Com pouco tempo para jogar, e já muito desgastados, os jogadores da equipa de Ota tudo tentaram para, pelo menos, chegar à igualdade.

Aos 82 minutos, sairam o Peres e o Nuno Narciso, por troca com o João Bacalhau e o Jorge Ribeiro, numa tentativa de colocar mais poder de fogo na frente de ataque.

Até ao apito final, os nossos jogadores bombearam bolas para a área, mas sem sucesso, enquanto os jogadores da equipa local tentavam esconder a bola para fazer passar o tempo, neste caso com sucesso.

Em suma, foi lamentável termos perdido graças a uma decisão irracional do árbitro assistente, que se tivesse estado mais atento e concentrado veria, como todos vimos, inclusivé o seu chefe de equipa, que não era caso para assinalar o castigo máximo contra a nossa equipa. De qualquer forma, pela primeira parte efectuada, a equipa da Malveira "B" mereceu a vitória neste jogo, embora eles próprios tenham saido algo desapontados moralmente por terem chegado à vitória e aos três pontos, através de uma decisão que eles sabem ter sido errada e muito penalizadora para o esforço dos seus adversários.

Foto: Lance disputado nas alturas, entre o Grilo e um adversário, com o Peres e o Miguel Rocha na expectativa quanto ao desenlace da situação aérea.   

 

ARBITRAGEM:

O trio de arbitragem escalado para o encontro entre a Malveira "B" e o Futebol Clube de Ota foi composto pelo Pedro Teixeira (árbitro principal), João Santos e Fernando Botelho (árbitros assistentes).

A pergunta que se impões fazer neste rescaldo é a seguinte: Como foi possivel, em dois lances, terem estragado o bom trabalho que fizeram ao longo do jogo?

Pois é, dois simples lances estragaram por completo a exibição deste trio de arbitragem, ambos no segundo tempo. Aos 65 minutos, impediram que o Fachada isolado perante o guarda redes adversário fizesse qualquer coisa, até falhar o golo, o que parecia improvável, ao assinalarem uma falta imediatamente anterior à desmarcação do nosso avançado, contra a equipa da Malveira "B", beneficiando claramente o infractor.

Aos 75 minutos, o árbitro assistente do lado dos bancos, assinalou uma inexistente grande penalidade, contra a equipa de Ota que definiu o resultado final deste jogo.

Foi pena, por de resto estiveram bem, nomeadamente no capítulo disciplinar.

  


publicado por BLOGOTA às 16:00
link do post | comentar | favorito

1 comentário:
De Anónimo a 25 de Outubro de 2010 às 22:40
Deve ser mais um correligionário de um tal Lucilio que lá para os Algarves deu assim um trofeu (zeco) ao clube dos setwartes que até no homem da aguia batem.


Comentar post

links
arquivos

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

posts recentes

ATÉ SEMPRE...

RAINHA DAS VINDIMAS 2012 ...

EQUIPA TÉCNICA DOS TRAQUI...

EQUIPA TÉCNICA DOS BENJAM...

CLÁSSICA CICLISMO - ALVER...

CLÁSSICA CICLISMO: ALVERC...

EQUIPA TÉCNICA DOS BENJAM...

SORTEIO – JUVENIS E INICI...

1º DESAFIO BTT ADN – A DO...

EQUIPA TÉCNICA DOS INFANT...

TROFÉU BTT OURÉM – RAID T...

EQUIPA TÉCNICA DOS INICIA...

CICLISMO - CONTRA RELÓGIO...

EQUIPA TÉCNICA DOS JUVENI...

EQUIPA TÉCNICA DOS JUNIOR...

SORTEIO – JUNIORES – F. C...

15º PRÉMIO VOLKSWAGEN – F...

VIDEOS DA MARATONA BTT DE...

VIDEOS DA MARATONA BTT DE...

REGIONAL DE MARATONAS BTT...

MARATONA BTT DE OTA

15º PRÉMIO VOLKSWAGEN AUT...

CLÁSSICA SUBIDA À TORRE -...

F.C. OTA - ESTATÍSTICA 20...

CIRCUITO DE CICLISMO DA A...

18º CIRCUITO BTT NORTE AL...

MARATONA BTT DE OTA - DOR...

PASSEIO ANUAL DA 3ª IDADE...

REGIONAL DE MARATONAS BTT...

F.C. OTA - ESTATÍSTICA 20...

VIDEOS DO CIRCUITO DE CIC...

CIRCUITO DE CICLISMO DE M...

RESCALDO DA MARATONA BTT ...

3 HORAS RESISTÊNCIA BTT A...

PROGRAMA DA FESTA DE OTA ...

REGIONAL DE MARATONAS BTT...

2ª DIVISÃO DISTRITAL - A....

CIRCUITO DE CICLISMO DE S...

TREINOS DE CAPTAÇÃO - F. ...

OH MEU DEUS TRAIL BIKE SE...

favoritos

CAMPEONATO DISTRITAL DE B...

CAMPEONATO DISTRITAL DE I...

RESCALDO DA 1ª PROVA RESI...

VIDEOS DA 1ª PROVA RESIST...

RESCALDO - T. P. MARATONA...

FOTO DA ASSINATURA DO CON...

S. C. PINHEIRO LOURES 3 -...

RESCALDO DA MARATONA BTT ...

CAMPEONATO NACIONAL DE RA...

RESCALDO DA MARATONA BTT ...

temas

2008/2009

2009/2010

2010

2010/2011

2011

2011/2012

2012

7 maravilhas

aeroporto de ota

afl

alenquer

alentejo

alhandra

amador

analises

anipura

arneiros

arrudense

atalaia

atletismo

benfica

benjamins

btt

c.s.r.d. de ota

campeonato

carb boom

cerca

charneca de ota

cheganças

ciclismo

classificação

comentarios

corrida do mirante

cronicas

cross country

desporto

diversos

elites

escolas

estatistica

eventos

extrusal

f.c. ota

f.c. ota benjamins

f.c. ota escolas

f.c. ota infantis

f.c. ota iniciados

f.c. ota juniores

f.c. ota juvenis

festa

frases

furadouro

futebol

futebol de sete

golos

humor

imagens

infantis

iniciados

jogador

juniores

juvenis

lfo

Liga Fantástica de Ota

linhais

lisboa

maratona

memorias

monte agraço

monte redondo

montejunto

música

nacional

ota

ota videos

passeios

pelado

pinheiro loures

portugal

raid

rbikes

relvado

rescaldo

resultados

rio de ota

seniores

serra de ota

sintético

sobreirense

sorteio

sub-23

taça

torneio

treino

varanda da ota

vencedor

veteranos

videos

xcm

xco

todas as tags

últ. comentários
Sem grandes comentarios. obrigado Rui. Fica aqui m...
Até no fim se manifesta a enorme qualidade e dedic...
a deresao do futebol clube agradece todo o que o b...
Caro Rui Branco,Os meus Parabéns pelo teu trabalho...
Foi um óptimo trabalho feito ao estilo de O...
Caro Rui Branco,Obrigado pelo trabalho pioneiro qu...
RuiCertamente que para tomares esta decisão, pensa...
Caro Rui, É com muita tristeza que leio a notícia ...
Caro RuiÉ com tristeza que vejo esta noticia.Assim...
OS COMENTÁRIOS NESTE BLOG ESTÃO TEMPORARIAMENTE SU...
Setembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9


24
25
26
27
28
29

30


pesquisar
 
blogs SAPO
subscrever feeds
mais sobre mim