PÁGINA PESSOAL DE RUI BRANCO

Domingo, 27 de Março de 2011
G. D. SOBREIRENSE 2 - FUTEBOL CLUBE DE OTA 0

 CAMPEONATO DISTRITAL IIª DIVISÃO - ASSOCIAÇÃO FUTEBOL LISBOA

22ª JORNADA - ÉPOCA 2010/2011

Foto (da esquerda para a direita): Edgar Filipe, Sandro Ferreira, Rui Ferreira, Miguel Rocha, João Bacalhau, João Rodrigues, Bruno Caldeira, João Silva, Reginaldo Souza, Daniel Duarte e Pedro Grilo.  

Foto: O onze titular do Grupo Desportivo Sobreirense, do concelho de Torres Vedras, actualmente o líder isolado desta série da 2ª divisão distrital de Lisboa. 

 

O Futebol Clube de Ota iniciou a partida com o seguinte onze:

 

88 DANIEL DUARTE
21 BRUNO CALDEIRA
4 JOÃO RODRIGUES
2 JOÃO SILVA
12 EDGAR FILIPE
10 REGINALDO SOUZA
22 PEDRO GRILO (Cap.)
8 SANDRO FERREIRA
27 MIGUEL ROCHA
17 RUI FERREIRA
23 JOÃO BACALHAU

 

Foto: Aos 20 minutos de jogo, o João Bacalhau arrancou pelo lado direito, livrou-se de um defesa e deu a bola de bandeja para o Miguel Rocha (27), bater com o pé direito, só com o guarda redes pela frente, por cima da barra.  

 

Substituições:

62' - Saiu o Sandro Ferreira e entrou o NUNO NARCISO (16).

72' - Saiu o Miguel Rocha e entrou o ANDRÉ FERREIRA (31).

Suplentes não utilizados: Filipe Antunes.

Não convocados: Márcio Carvalho, Ricardo Fachada, Alexander Deus, Peres, Jorge Ribeiro, Ruben Dias, Nuno Fernandes e Gonçalo Ferreira.

Castigado: Ricardo Quaresma.

Disciplina:

Grupo Desportivo Sobreirense:

Cartão Amarelo aos 20 minutos para o jogador nº 19, por ter cometido uma falta sobre o João Silva.

Cartão Amarelo aos 42 minutos para o jogador nº 2, por ter cometido uma falta sobre o Miguel Rocha.

Cartão Amarelo aos 46 minutos para o jogador nº 8, por ter demorado a repôr a bola em jogo.

Cartão Amarelo aos 77 minutos para o jogador nº 10, por ter entrado de forma dura sobre o Pedro Grilo.

Cartão Amarelo aos 82 minutos para o jogador nº 11, por ter continuado a jogar com a partida interrompida.

Cartão Amarelo aos 90+2 minutos para o jogador nº 14, por protestos contra uma decisão do árbitro.

Futebol Clube de Ota:

Cartão Amarelo aos 18 minutos para o João Bacalhau, por ter cometido uma falta sobre um adversário.

Cartão Amarelo aos 26 minutos para o Filipe Antunes, por protestos contra a equipa de arbitragem do banco de suplentes.

Cartão Amarelo aos 27 minutos para o André Ferreira, por protestos contra a equipa de arbitragem do banco de suplentes.

Cartão Amarelo aos 35 minutos para o Pedro Grilo, por protestos contra uma decisão do árbitro.

Cartão Amarelo aos 64 minutos para o Bruno Caldeira, por ter cometido uma falta sobre o jogador nº 8.

Cartão Vermelho Directo aos 76 minutos para o Pedro Grilo, por ter pontapeado o jogador nº 10, depois deste lhe dar um forte pontapé, sem bola por perto.

Resultado ao intervalo: 1-0

Foto: Neste lance, aos 30 minutos, o jogador nº 10 (a tapar o Daniel) vai fazer o primeiro golo do jogo, de cabeça, num lance em que a equipa de Sobreiro Curvo deu três toques de cabeça na nossa grande área e inaugurou o marcador.  

 

MARCHA DO MARCADOR:

1-0 aos 30 minutos pelo jogador Nº 10. Na sequência de um canto batido do lado direito do ataque visitado, a bola foi cabeceada para o lado esquerdo, junto à linha de fundo, onde outro jogador local deu de cabeça para a zona frontal da nossa baliza, onde o jogador nº 10 do Sobreirense encostou de cabeça e enviou o esférico para o fundo da redes do F. C. Ota.

2-0 aos 81 minutos pelo jogador Nº 14. Na sequência de um livre a nosso favor, junto à area do Sobreirense, a bola foi cortada pela defensiva local e rapidamente sairam para o contra ataque conduzido pela esquerda através do jogador nº 8. Ao entrar na área o jogador nº 8 flectiu para o meio, ultrapassou o Rui e deu a bola de bandeja para o jogador nº 14 fazer o golo com toda a facilidade, perante o desamparado Daniel Duarte.

Foto: Ainda no primeiro tempo, a nossa equipa teve mais esta excelente oportunidade para marcar. O Edgar visou a baliza adversária, mas o defesa contrário conseguiu chegar a tempo e prensar o esférico entre os dois, com a bola depois a fugir da zona de golo.  

 

CRÓNICA DO JOGO: 

A nossa equipa sénior, este domingo, deslocou-se ao Sobreiro Curvo, no concelho de Torres Vedras, a fim de defrontar o Sobreirense, líder desta série 1, da 2ª divisão distrital de Lisboa.

Com uma temperatura amena e com alguns chuviscos durante o jogo, a nossa equipa realizou um belo jogo contra o 1º classificado, demonstrando à saciedade que ainda estamos bem vivos e preparados para dar a volta a uma época muito pobre em termos de resultados.

As lesões, num plantel curto como este, fazem-se sentir e de que maneira. Na passada semana tivemos a lesão do Gonçalo, que dificilmente jogará no decorrer desta época, a juntar a todos os outros que padecem de diversas maleitas.

Para esta partida, o técnico Luis Ferreira lançou o Daniel Duarte de inicio entre os postes. Na defesa alinharam o Caldeira (direita), o Edgar (esquerda), o João Silva e o João Rodrigues (centrais). O trinco foi o Grilo, tendo à sua frente o duplo pivot de meio campo constituido pelo Sandro e o Souza. No ataque, pela direita jogou o Miguel, pela esquerda o Rui Ferreira e na frente o João Bacalhau.

Os primeiros 20 minutos de jogo foram dominados pela equipa local, com o vento a favor e com a obrigação de não perder pontos na luta pela subida de divisão, o Sobreirense tomou conta do jogo, embora sem criar grandes situações de golo.

O Sobreirense, neste período, ganhou diversos cantos e faltas laterais que levaram pouco perigo à baliza defendida pelo Daniel.

A melhor situação de golo, para o Sobreirense, aconteceu aos 17 minutos, em dois momentos através do jogador nº 19 e nº 11, mas a nossa defesa conseguiu aliviar para canto.

A partir dos vinte minutos de jogo, a nossa equipa soltou-se e fez um final de primeiro tempo notável, desperdiçando 4 grandes situações de golo.

Aos 20 minutos, o João Bacalhau arrancou pelo lado direito, em contra ataque, já na área libertou-se de um defesa e deu para o Miguel, em zona frontal à baliza atirar por cima da barra. Esta tinha sido, à altura, a situação mais clara de golo do jogo.

Aos 22 minutos, o Sandro Ferreira bateu um canto do lado esquerdo e três jogadores de Ota falharam o encosto no esférico para o fundo da baliza adversária. Ao primeiro poste o Edgar deu um toque ligeiro na bola, ao meio o Bacalhau não conseguiu tocar na mesma e vindo de trás, ao segundo poste, o Grilo, em voo, falhou a bola e esta saiu pela linha de fundo. Mais uma enorme oportunidade de golo para a nossa equipa.

O treinador da equipa local ao ver a sua equipa a perder o domínio do jogo fez duas alterações de uma assentada, á passagem dos vinte minutos de jogo.

Aos 30 minutos, numa altura de equilibrio na partida, a equipa do Sobreirense inaugurou o marcador, numa finalização de cabeça que deixou algumas dúvidas sobre a posição legal do autor do golo.

A equipa de Ota, apesar do golo sofrido, continuou a jogar bem e aos 33 minutos ia vendo o jogador nº 3 a introduzir a bola na sua própria baliza, após um cruzamento da direita do Bruno Caldeira. Valeu na circunstância uma grande defesa do guarda redes do Sobreirense a evitar o autogolo do seu colega de equipa.

Aos 38 minutos, o Pedro Grilo bateu um livre directo, com o guarda redes local a defender com muita segurança.

Aos 43 minutos, o João Bacalhau trabalhou muito bem no interior da área e deu de costas para a zona do segundo poste, onde o Edgar esteve muito perto de fazer o golo do empate, valendo mais uma intervenção corajosa do guardião do Sobreirense a evitá-lo.

No segundo minuto de compensação deste primeiro tempo, o jogador nº 9 recebeu uma bola à entrada da área e rematou por cima da barra.

O resultado ao intervalo era tremendamente injusto para a equipa de Ota. 

Foto: Aos 43 minutos, neste lance, o Edgar Filipe esteve muito perto de introduzir a bola na baliza adversária, mas uma intervenção corajosa do guarda redes do Sobreirense evitou essa situação. 

 

Na segunda parte a partida acalmou e não se registaram tantas oportunidades de golo como as que ocorreram no primeiro tempo. Ainda assim a partida teve alguns bons momentos de futebol, com ambas as equipas em busca do golo.

Aos 54 minutos, o jogador nº 8 rematou de fora da área, para uma grande defesa do Daniel Duarte.

Aos 56 minutos, o João Bacalhau rodou sobre um adversário, à entrada da área, ganhou espaço para rematar e fê-lo de forma forte, com a bola a passar por cima da barra.

Aos 59 minutos, o jogador nº 14 rematou de fora da área, para uma defesa com os punhos do Daniel Duarte.

Aos 62 minutos, o Sandro Ferreira foi substituido pelo Nuno Narciso, que assim regressou à competição depois de uma arreliadora lesão.

A partida continuou equilibrada, embora sem grandes situações de golo.

Aos 72 minutos foi a vez do André Ferreira entrar em jogo, por troca com o Miguel Rocha.

Aos 76 minutos, numa disputa de bola a meio campo, o Pedro Grilo sofreu uma entrada violenta e, no chão, tentou pontapear o seu adversário.

A decisão salomónica do árbitro foi a de expulsar o nosso jogador com o vermelho directo e mostrou o amarelo ao jogador que originou esta jogada mais violenta.

A jogar com dez, e já muito desgastada, a nossa equipa tentou o tudo por tudo para chegar à mais que justa igualdade neste encontro.

O jogo ficou partido e a nossa equipa cada vez arriscou mais no ataque em busca do golo. Numa dessas jogadas, mais concretamente na sequência de um livre a nosso favor, a equipa local lançou um rápido contra ataque, que os nossos jogadores não foram capazes de suster, e o jogador nº 14 fez o segundo golo do jogo.

Com pouco tempo para jogar e com menos uma unidade a nossa equipa perdeu todas as hipóteses de construir um resultado positivo nesta deslocação.

Ainda assim, aos 90+2 minutos, o Nuno Narciso trabalhou muito bem na área adversária e rematou com o pé esquerdo, para mais uma grande defesa do guarda redes do Sobreirense.

Em jeito de conclusão, afirmamos convictamente que o resultado é enganador e muito injusto para a equipa de Ota. No mínimo, para não dizermos que a vitória seria mais adequada à nossa equipa, o empate seria o resultado mais ajustado ao desenrolar destes noventa minutos de jogo.

Foto: Neste lance, aos 56 minutos, o João Bacalhau rodou sobre um adversário, ganhou posição e rematou muito forte, com a bola a passar por cima da barra da baliza do Sobreirense. 

 

ARBITRAGEM:

O trio de árbitros nomeado para este jogo, entre o Sobreirense e o F. C. Ota, foi composto pelo Ricardo Macedo (árbitro principal), Joel Macedo e Vitor Pires (árbitros assistentes).

Dos três nomeados apareceram dois, o árbitro principal e um dos auxiliares. Por sorteio calhou à equipa de Ota designar um elemento para fazer de árbitro auxiliar. O Luis Santos, massagista do F. C. Ota, aceitou o desafio com grande coragem e desempenhou de forma isenta o papel de árbitro auxiliar.

Aliás, podemos mesmo afirmar que, pese embora tenham existido algumas dúvidas no lance do primeiro golo, o Luis Santos foi o melhor elemento do trio de árbitros que dirigiu este jogo.

Os árbitros, que supostamente seriam ainda mais isentos que o nosso massagista, realizaram um trabalho fraquinho, com algum proteccionismo à equipa da casa.

Muita dualidade de critérios em lances técnicos e disciplinares, sempre em desfavor da equipa visitante.

No lance da expulsão do Grilo foi notória a protecção ao jogador que tinha entrado violentamente sobre o nosso jogador, mostrando-lhe apenas o cartão amarelo, enquanto o nosso viu o vermelho directo, apenas porque respondeu à agressão primária que o jogador nº 10 aplicou sobre o nosso trinco. 

     



publicado por BLOGOTA às 20:22
link do post | comentar | favorito

links
arquivos

Setembro 2012

Agosto 2012

Julho 2012

Junho 2012

Maio 2012

Abril 2012

Março 2012

Fevereiro 2012

Janeiro 2012

Dezembro 2011

Novembro 2011

Outubro 2011

Setembro 2011

Agosto 2011

Julho 2011

Junho 2011

Maio 2011

Abril 2011

Março 2011

Fevereiro 2011

Janeiro 2011

Dezembro 2010

Novembro 2010

Outubro 2010

Setembro 2010

Agosto 2010

Julho 2010

Junho 2010

Maio 2010

Abril 2010

Março 2010

Fevereiro 2010

Janeiro 2010

Dezembro 2009

Novembro 2009

Outubro 2009

Setembro 2009

Agosto 2009

Julho 2009

Junho 2009

Maio 2009

Abril 2009

Março 2009

Fevereiro 2009

Janeiro 2009

Dezembro 2008

Novembro 2008

Outubro 2008

Setembro 2008

Agosto 2008

Julho 2008

Junho 2008

Maio 2008

Abril 2008

Março 2008

Fevereiro 2008

Janeiro 2008

Dezembro 2007

Novembro 2007

Outubro 2007

Setembro 2007

Agosto 2007

Julho 2007

Junho 2007

Maio 2007

Abril 2007

Março 2007

Fevereiro 2007

Janeiro 2007

Dezembro 2006

Novembro 2006

Outubro 2006

Setembro 2006

Agosto 2006

Julho 2006

Junho 2006

Maio 2006

Abril 2006

Março 2006

Fevereiro 2006

Janeiro 2006

Dezembro 2005

Novembro 2005

posts recentes

ATÉ SEMPRE...

RAINHA DAS VINDIMAS 2012 ...

EQUIPA TÉCNICA DOS TRAQUI...

EQUIPA TÉCNICA DOS BENJAM...

CLÁSSICA CICLISMO - ALVER...

CLÁSSICA CICLISMO: ALVERC...

EQUIPA TÉCNICA DOS BENJAM...

SORTEIO – JUVENIS E INICI...

1º DESAFIO BTT ADN – A DO...

EQUIPA TÉCNICA DOS INFANT...

TROFÉU BTT OURÉM – RAID T...

EQUIPA TÉCNICA DOS INICIA...

CICLISMO - CONTRA RELÓGIO...

EQUIPA TÉCNICA DOS JUVENI...

EQUIPA TÉCNICA DOS JUNIOR...

SORTEIO – JUNIORES – F. C...

15º PRÉMIO VOLKSWAGEN – F...

VIDEOS DA MARATONA BTT DE...

VIDEOS DA MARATONA BTT DE...

REGIONAL DE MARATONAS BTT...

MARATONA BTT DE OTA

15º PRÉMIO VOLKSWAGEN AUT...

CLÁSSICA SUBIDA À TORRE -...

F.C. OTA - ESTATÍSTICA 20...

CIRCUITO DE CICLISMO DA A...

18º CIRCUITO BTT NORTE AL...

MARATONA BTT DE OTA - DOR...

PASSEIO ANUAL DA 3ª IDADE...

REGIONAL DE MARATONAS BTT...

F.C. OTA - ESTATÍSTICA 20...

VIDEOS DO CIRCUITO DE CIC...

CIRCUITO DE CICLISMO DE M...

RESCALDO DA MARATONA BTT ...

3 HORAS RESISTÊNCIA BTT A...

PROGRAMA DA FESTA DE OTA ...

REGIONAL DE MARATONAS BTT...

2ª DIVISÃO DISTRITAL - A....

CIRCUITO DE CICLISMO DE S...

TREINOS DE CAPTAÇÃO - F. ...

OH MEU DEUS TRAIL BIKE SE...

favoritos

CAMPEONATO DISTRITAL DE B...

CAMPEONATO DISTRITAL DE I...

RESCALDO DA 1ª PROVA RESI...

VIDEOS DA 1ª PROVA RESIST...

RESCALDO - T. P. MARATONA...

FOTO DA ASSINATURA DO CON...

S. C. PINHEIRO LOURES 3 -...

RESCALDO DA MARATONA BTT ...

CAMPEONATO NACIONAL DE RA...

RESCALDO DA MARATONA BTT ...

temas

2008/2009

2009/2010

2010

2010/2011

2011

2011/2012

2012

7 maravilhas

aeroporto de ota

afl

alenquer

alentejo

alhandra

amador

analises

anipura

arneiros

arrudense

atalaia

atletismo

benfica

benjamins

btt

c.s.r.d. de ota

campeonato

carb boom

cerca

charneca de ota

cheganças

ciclismo

classificação

comentarios

corrida do mirante

cronicas

cross country

desporto

diversos

elites

escolas

estatistica

eventos

extrusal

f.c. ota

f.c. ota benjamins

f.c. ota escolas

f.c. ota infantis

f.c. ota iniciados

f.c. ota juniores

f.c. ota juvenis

festa

frases

furadouro

futebol

futebol de sete

golos

humor

imagens

infantis

iniciados

jogador

juniores

juvenis

lfo

Liga Fantástica de Ota

linhais

lisboa

maratona

memorias

monte agraço

monte redondo

montejunto

música

nacional

ota

ota videos

passeios

pelado

pinheiro loures

portugal

raid

rbikes

relvado

rescaldo

resultados

rio de ota

seniores

serra de ota

sintético

sobreirense

sorteio

sub-23

taça

torneio

treino

varanda da ota

vencedor

veteranos

videos

xcm

xco

todas as tags

últ. comentários
Sem grandes comentarios. obrigado Rui. Fica aqui m...
Até no fim se manifesta a enorme qualidade e dedic...
a deresao do futebol clube agradece todo o que o b...
Caro Rui Branco,Os meus Parabéns pelo teu trabalho...
Foi um óptimo trabalho feito ao estilo de O...
Caro Rui Branco,Obrigado pelo trabalho pioneiro qu...
RuiCertamente que para tomares esta decisão, pensa...
Caro Rui, É com muita tristeza que leio a notícia ...
Caro RuiÉ com tristeza que vejo esta noticia.Assim...
OS COMENTÁRIOS NESTE BLOG ESTÃO TEMPORARIAMENTE SU...
Setembro 2012
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1

2
3
4
5
6
7
8

9


24
25
26
27
28
29

30


pesquisar
 
blogs SAPO
subscrever feeds
mais sobre mim